sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Vítimas de enchente em Alagoas descobrem que terão de pagar moradias

Ao contrário do que foi divulgado por alguns meios de comunicação locais nesta quinta-feira (17), as famílias desabrigadas pelas enchentes de 2010, em Alagoas, não irão pagar pelas novas casas, que estão sendo construídas pelo programa Minha Casa, Minha Vida. Para que as vítimas não precisem pagar pelo financiamento, o governo do Estado aumentou o subsídio oferecido junto ao governo federal, garantindo a parte restante para o custeio das construções.
A decisão foi anunciada em julho do ano passado, durante a visita do então ministro da Previdência Social, Carlos Gabas. No total, 17,6 mil casas foram planejadas e contratadas pelo governo estadual junto à Caixa Econômica Federal ainda em 2010.
“Graças ao empenho e ao trabalho diuturno das nossas equipes, agilizamos as contratações necessárias em menos de seis meses depois das enchentes. Continuamos cobrando agilidade das empresas executoras e esperamos começar a inaugurar os conjuntos a partir do mês de agosto”, disse o secretário de Estado da Infraestrutura, Marco Fireman.
As casas em construção para as vítimas das enchentes possuem, cada uma, cerca de 41 m2, divididos entre sala, cozinha, dois quartos, banheiro e área de serviço. Além disso, 3% das casas em todos os empreendimentos são adaptadas para deficientes físicos e contam com área construída maior, rampas de acesso, barras de apoio e outros equipamentos que facilitam a mobilidade dos moradores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de comentar !!!!!!