quarta-feira, 12 de setembro de 2012

PC e MP investigam realocação de verbas de obras para confecção de gibis

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) e o Ministério Público do Distrito Federal e dos Territórios (MPDFT) vão investigar formalmente o redirecionamento de quase R$ 1 milhão de recursos que seriam utilizados em obras para a confecção de cartilhas educativas e a elaboração de desenhos animados na região administrativa de Águas Claras. O caso foi denunciado ontem por reportagem do Correio. Além disso, um grupo de moradores da cidade vai protocolar hoje uma representação no Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) contra o administrador da cidade, Manoel Carneiro. O fato já estava na mira do TCDF e da Secretaria de Transparência e Controle do DF (STC).
A princípio, em 2011, o dinheiro havia sido destinado à infraestrutura por meio de emenda parlamentar do distrital Olair Francisco (PTdoB), mas a indicação acabou revisada, a pedido do próprio deputado, e redistribuída para um suposto projeto educacional. De acordo com o parlamentar autor da emenda, a transferência foi feita para atender demanda do administrador regional Manoel Carneiro, que é de indicação do deputado e, segundo Olair, um “homem de sua confiança”. Depois da mudança de destinação da verba, a administração contratou sem licitação a empresa Middle Way Editora Ltda., que tem na vice-presidência Marcus Catharino, amigo pessoal de longa data de Carneiro.
Fonte: Correio Braziliense

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de comentar !!!!!!