terça-feira, 30 de setembro de 2008

A Revolta dos servidores administrativos do Ministério da Agricultura.

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUARIA E ABASTECIMENTO SUPERINTENDÊNCIA FEDERAL DE AGRICULTURA EM SÃO PAULO SEÇÃO DE RECURSOS HUMANOS – SRH/SFA – SÃO PAULO. Memo. Nº 636/2008 São Paulo, 18 de setembro de 2008 Ao: Senhora Coordenadora Geral de Recursos Humanos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. veja o Memo.
Assunto: Gratificação Temporária das Unidades dos Sistemas Estruturadores da Admi nistração Pública Federal - GSISTE Nós Servidores Públicos Federais, Administrativos, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, localizados na Seção de Recursos Humanos da Superintendência Federal de Agricultura no Estado de São Paulo, há mais de dez anos, temos acompanhado com muita atenção e interesse, todo o esforço e empenho de Vossa Senhoria, no sentido de buscar melhorias salariais para os servidores que executam serviços de fiscalização agropecuária. No entanto, estamos apreensivos com o tratamento que vem sendo dado, pelos setores envolvidos, às questões de melhorias salariais relativas aos servidores Administrativos, que também são parte integrante da fiscalização, executando os serviços de apoio indispensáveis para o bom desempenho das atividades inerentes ao MAPA, em prol do desenvolvimento do Agronegócio Brasileiro. É triste observarmos que na pasta da agricultura, esteja sendo dado tratamento diferenciado aos servidores, menosprezando-se esta parcela tão importante da força de trabalho da casa, os servidores Administrativos, que não só integram a sua engrenagem, mas são indispensáveis para o seu bom desempenho e perfeito funcionamento. Isto está configurado quando observamos o crescente aumento da contribuição do Agronegócio para o desenvolvimento do Pais. No que diz respeito aos servidores que executam atividades de recursos humanos, a Medida Provisória Nº 441, DE 16 DE AGOSTO DE 2008, Artigo 296, da nova redação ao Artigo 15 da Lei 11.356, de 19 de outubro de 2006, qual seja: “Art. 15. Fica instituída a Gratificação Temporária das Unidades dos Sistemas Estruturadores da Administração Pública Federal – Gsiste, devida aos titulares de cargos de provimento efetivo, em efetivo exercício no Órgão Central e nos Órgãos Setoriais, Seccionais e correlatos dos seguintes sistemas estruturados a partir de disposto no Decreto-Lei no 200, de 25 de fevereiro de 1967enquanto permanecerem nesta condição: § 4º caberá ao titular da unidade gestora central de cada subsistema promover a distribuição dos quantitativos para os respectivos órgãos setoriais, seccionais e correlatos.” Diante do exposto, gostariamos de saber de Vossa Senhoria, se no caso do MAPA, todos os servidores com efetivo exercício nos Recursos Humanos serão contemplados com a GSISTE, e se está sendo feita gestão junto ao Ministério do Planejamento com esta finalidade, tendo em vista o quantitativo previsto no anexo CLXIV da Medida Provisória nº 441/2008. Atenciosamente,
Felisberto Bento de Figueiredo Solange Aparecida Tomaz Matrícula - 0017820 Matricula - 0017303 Iná Conceição Sales Maria Araújo Ciccala Matricula – 0031184 Matrícula - 0017679 Miriam Valderziva Cini Maria rosa de Aguiar Matricula – 0017076 Matricula - 0017304 Dra. Mirian Regina Goda Perroni Maria Regina Bagi Monteiro Matricula – 0017013 Matricula - 6017414 Ozanira Alves de Souza Matricula - m0012908

Jovem arrastada por carro continua em coma induzido

Flaviana Barbosa, de 27 anos, andava de moto com o namorado em uma rodovia na noite de sexta-feira (26) quando foi atingida pelo carro, que vinha em alta velocidade. Ela ficou presa ao veículo e foi arrastada, sofrendo queimaduras de 3º grau em parte do corpo. O namorado teve apenas ferimentos leves.

Mulher faz rebolado sensual

video

Adorei este video.

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Carreta transportava 9 mil quilos de maconha

Em uma operação conjunta, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Federal apreenderam ontem aproximadamente nove toneladas de maconha na rodoviária estadual MS-286 em Ponta Porã (MS). A droga, que estava em uma carreta, vinha de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, segundo a polícia. A investigação conjunta apontou que a maconha seria entregue em São Paulo. As equipes ainda verificam se há mais drogas ou armas dentro do caminhão, que também foi apreendido. O motorista da carreta, que mora em Goiânia, foi preso em flagrante e encaminhado para a delegacia da PF em Ponta Porã.
From: Jornal de Brasília

Acabam os contratos de letra miúda

Uma pequena modificação no Código de Defesa do Consumidor acabou ontem com a possibilidade de empresas e prestadores de serviço usarem letras miúdas nos contratos, método que muitas vezes deixava passar despercebidas cláusulas que restringiam direitos dos consumidores. Agora, todos os contratos, na íntegra, devem ser feitos com letras em corpo 12. A lei sancionada na segunda-feira pelo presidente interino, José Alencar, disciplina artigo do CDC que era omisso quanto ao padrão tipográfico. Era previsto que os contratos fossem apresentados aos consumidores de forma legível, mas sem estabelecer padrão mínimo de medida (corpo). Muitos contratos são redigidos com caracteres pequenos, dificultando sua leitura e compreensão, o que consagrou pelo país obrigações contidas nas tais "letras miúdas". Penalidades As empresas que não se adequarem estarão sujeitas às penalidades previstas no Código de Defesa do Consumidor: multa que varia de R$ 200 a R$ 3 milhões, dependendo do prejuízo causado e do porte da prestadora de serviço. O diretor-executivo do Procon de São Paulo, Roberto Pfeiffer, afirmou que a nova regra terá impacto ainda maior para as empresas do que eventual multa por descumprimento: quem não se adequar poderá ver o cliente ganhar na Justiça o direito de romper o contrato de forma mais fácil do que hoje. Pfeiffer recomendou que os clientes exijam adequação do contrato ao padrão mínimo de letra tamanho 12. "O ideal é que o consumidor adote a posição de se recusar a assinar e exija da empresa adequação à norma. Mas há situações em que o consumidor terá de assinar pela premência. Nesse caso, depois deve reclamar ao Procon ou a órgãos de defesa", disse. Cliente em primeiro lugar Para a advogada Mariana Alves, do Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), essa é mais uma medida que beneficia o consumidor. Ela ressaltou que, no CDC, já é previsto que cláusulas que possam determinar eventuais prejuízos sejam destacadas em negrito. De qualquer forma, a lei em vigor ainda permitia a existência das letras miúdas, de tamanhos entre 8 e 9, o que dificultava a leitura e o entendimento de contratos. A lei é de autoria do senador Paulo Paim (PT-RS). Foi aprovada em junho pelo Congresso e passou a valer ontem, após publicada no "Diário Oficial". From: Folha

Irã diz que excesso de transparência coloca o país na mira da AIEA

Viena, 24 set (EFE).- O Irã afirmou hoje que o excesso de transparência e cooperação mostrado nos últimos meses fez com que o programa nuclear iraniano continue na mira dos inspetores da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA). O embaixador iraniano perante a agência nuclear da ONU, Ali Asghar Soltanieh, disse que seu país "foi bom demais, transparente demais e cooperativo demais" com a AIEA. Por isso, "o Irã paga agora o preço de que o assunto (seu programa nuclear) continue na agenda do Conselho (de Governadores da AIEA)", disse o representante iraniano à imprensa em Viena, onde acontece esta semana uma reunião do órgão de direção do organismo. Soltanieh se referia aos "supostos estudos" relacionados a possíveis pesquisas iranianas para a construção de armas nucleares. Os Estados Unidos e outros países entregaram à AIEA documentação que provaria essa acusação contra Teerã. No entanto, com o argumento de não ajudar o Irã na construção de bombas atômicas, Washington se nega a entregar aos iranianos os originais ou uma cópia desses documentos. Na segunda-feira, o diretor-geral da AIEA, Mohamed ElBaradei, tinha pedido aos EUA e a seus aliados que concedessem a Teerã acesso aos documentos originais que provariam que realizou estudos relacionados à fabricação de bombas atômicas, para acelerar a investigação. O Irã afirma que a documentação é falsa, o que os inspetores tentam comprovar, em vão, até agora. Por isso, em seu último relatório sobre o Irã, ElBaradei afirma que, "para que a AIEA possa progredir, o Irã deve esclarecer até que ponto a informação é correta". EFE

Vítimas da matança em escola na Finlândia são nove alunos e um professor

KAUHAJOKI, Finlândia (AFP) — As 10 pessoas que morreram na terça-feira vítimas dos disparos de um colega de turma numa escola profissionalizante da Finlândia são nove alunos e um professor, sendo oito mulheres e dois homens, informou a polícia nesta quarta-feira. Segundo o chefe da investigação, Jari Neulaniemi, a identificação das vítimas levará vários dias porque elas ficaram seriamente queimadas no incêndiio que Matti Juhani Saari provocou depois dos disparos. Os corpos foram levados para a realização da necropsia em Helsinque. As autoridades finlandesas também anunciaram que a legislação sobre armas de fogo será revista e que foi aberta uma investigação para apurar se houve negligência da polícia, que um dia antes do massacre interrogou e liberou o atirador Juhani Saari, de 22 anos, por ter colocado vídeos no YouTube em que anunciava suas inteções homicidas. Segundo o primeiro-ministro finlandês, Matti Vanhanen, a Finlândia precisa endurecer a legislação sobre a posse de armas. "Precisamos determinar se as pistolas, que podem ser transportadas facilmente, devem ser autorizadas para os particulares", acrescentou. Esta nova matança numa escola finlandesa acontece um pouco menos de um ano depois do assassinato em um colégio de Tuusula, uma tranqüila localidade de 30.000 habitantes 40km ao norte de Helsinque, onde um jovem de 18 anos matou oito pessoas e em seguida cometeu suicídio. A Finlândia é o terceiro país em número de armas de fogo por habitante, atrás apenas dos Estados Unidos e do Iêmen. Matti Juhani Saari, o estudante de 22 anos que se matou depois de invadir uma sala de aula e disparar contra os colegas que faziam um teste escrito, era apaixonado por armas e filmes de terror, segundo seu perfil divulgado no site YouTube. Esse perfil (Wumpscut86) foi bloqueado logo em seguida ao anúncio do massacre, mas alguns internautas conseguiram interceptar algumas imagens pouco antes de ele ser retirado do ar. Quatro vídeos aparecem no perfil, mostrando um jovem de cabelos curtos, vestido de preto, atirando várias vezes na floresta com uma arma de calibre 22, apresentada nas legendas como sendo uma Walther P22. Saari também revela em seu perfil que tem 22 anos e que seus principais hobbies são "os computadores, as armas, o sexo e a cerveja". Entre seus filmes favoritos, ele cita "filmes de terror como 'O Iluminado'", o famoso longa de Stanley Kubrick estrelado por Jack Nicholson. Ele também menciona várias bandas de heavy-metal, como Rammstein e Metallica, assim como o grupo de música eletrônica Wumpscut, cujo nome inspirou seu pseudônimo no YouTube (Wumpscut86). Wumpscut é uma banda alemã que escreve músicas como "Black Death" (morte negra), "Bleed in Silence" (sangre em silêncio) ou "Hate is Mine" (o ódio é meu). Saari também colocou em seu perfil a letra de uma música do grupo chamada "War" (guerra): "toda a vida é guerra e toda a vida é sofrimento, e lutarás sozinho em tua guerra pessoal".

domingo, 21 de setembro de 2008

Apuros - Vai almoçar outro.


Gatinho de estimação !!!

Motorista bebado atropela varios ciclistas no mexico

A hora dos mortos vivos II

O Ataque Canibal do Falcão

A vitima foi socorrida pelo SUS !!!

Na hora do lanche - Sanduba Natural

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Grampo Telefônico - Porque este aparelho existe ???

ELE EXISTE PORQUE TEM MUITOS POLITICOS LADRÕES ROUBANDO OS COFRES PÚBLICOS, COMO TAMBÉM HÁ MUITOS BANDIDOS ROUBANDO. TRAFICANTES TRAFICANDO E DANDO ORDENS PARA MATAR VIA TELEFONE, ESTE APARELHO EXISTE E SEMPRE VAI EXISTIR.... PARA COLOCAR ESTA BANDA PODRE TUDO NA CADEIA.
E TEM MUITA GENTE NOS TRÊS PODERES QUE TAH CAGANDO DE MEDO DESTE APARELHO!
TELEFONE GRAMPEADO..... COFRE PÚBLICO FELIZ !!!!

Chuva de Pedra II - Agora em BH

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Bandidos mortos no SIA em Brasília - Parabéns ao Polícial Civíl


Menos 3 pra fazer merda na cidade... Ontem a tarde (15/09/2008) resolveram assaltar logo um Policial Civil do D.O.E (Departamento de Operações Especiais) na Caixa Econômica no SIA trecho 2/3, renderam o policial sem saber quem ele era e levaram a grana dele que estava em uma mochila. Quando iam fugir em uma moto roubada levaram bala até dizer chega. Dois foram mortos na hora e o que ficou vivo levou tiro de .40 nos dois braços, mas infelizmente já passou por cirurgia. Excelente trabalho de um policial preparado e com sangue frio pra agir no momento certo.
PTCBox
Ganhe dinheiro para visitar paginas da internet

Chuva de pedra em MG