sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Polícia Militar do DF prende militares suspeitos de insuflar operação tartaruga

O Comandando da Polícia Militar informou que a corregedoria da PM cumpre, na manhã desta sexta-feira (21/2), alguns mandados de prisão contra militares suspeitos de insuflar os colegas a participar da operação tartaruga. Os nomes dos policiais ainda não foram divulgados. O corregedor da Polícia Militar dá mais informações sobre as prisões, em coletiva, na tarde de hoje. 

Após a operação tartaruga, realizada em outubro para reivindicar melhorias salarias para PMs e bombeiros, o governador Agnelo Queiroz assinou, na noite da última terça-feira (18/2), os decretos que estabelecem melhorias para a categoria, para os que estão na ativa e na reserva. O valor do auxílio-alimentação passou para R$ 850 e entrará em vigor a partir de 1° de maio. O reajuste auxílio-moradia está distribuído em três etapas anuais a partir de próximo setembro.

Apesar do acordo feito entre o comando da Polícia Militar e o GDF, a Associação dos Praças Policiais e Bombeiros Militares do Distrito Federal (Aspra-DF) não concordou com o reajuste. Nessa quinta-fiera (19/2), Policiais e bombeiros militares realizaram passeata na Esplanada dos Ministérios para pedir isonomia salarial com outras categorias da segurança pública.

Fonte: Correio Braziliense

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de comentar !!!!!!