terça-feira, 16 de julho de 2013

Suspeito de violentar e matar menina de 2 anos é preso no interior do RJ

A delegada titular da 128ª DP de Rio das Ostras, Carla Tavares, divulgou na manhã desta terça-feira (16), que um usuário de crack, que normalmente dormia no local do crime, foi identificado como suspeito de estuprar e matar a menina Gabriely Batista, de 2 anos. O suspeito teve a prisão temporária concedida pelo Ministério Público, na última quinta-feira (11).

Agentes encontraram na obra onde o corpo foi encontrado, junto com os objetos do homem, uma panela com comida, que havia sumido da casa da vítima no dia anterior ao desaparecimento. A delegada aguarda o laudo da perícia feita nas roupas do suspeito e o resultado do teste do material genético colhido, que devem ficar prontos na próxima semana.
As investigações apontam que a menor estava sozinha em casa, no bairro Âncora, na hora do desaparecimento. Uma testemunha disse que os pais estavam em uma festa que acontecia perto de casa. O desafio da delegada agora é descobrir se realmente ela foi retirada de dentro de casa.
''Tudo indica que ela estava em casa sozinha. Precisamos ouvir mais algumas pessoas para saber se ela estava dentro de casa ou se saiu, na hora que foi levada. Todos trabalham com a mais urgência possível para que possamos concluir o caso'', relatou a delegada. 
Na última quinta-feira (11) a causa da morte da menor foi divulgada como uma hemorragia decorrente de violência sexual. Gabriely Batista foi encontrada por volta das 8h30 da última quarta (10), sob uma pilha de telhas, na obra de um conjunto de casas, a 100 metros de onde morava. A obra já tinha sido vistoriada pela polícia durante as buscas pela menina, que segundo os pais, teria sumido enquanto dormia ao lado deles e dos quatro irmãos, na madrugada do sábado (6).
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de comentar !!!!!!