sábado, 31 de dezembro de 2011

Mulher de Ronaldo Fenômeno já está em Trancoso

TRANCOSO - Ronaldo Fenômeno - como já amplamente noticiado, vai passar o réveillon em terras baianas. A mulher do ex-atleta já está em Trancoso, no extremo sul do estado. Na noite desta quarta-feira (29), Bia Antony foi flagrada em uma farmácia do vilarejo. Ronaldo ainda não desembarcou na Bahia. Na noite de quinta, ele participou do Jogo das Estrelas no estádio do Morumbi, em São Paulo. Quem também foi flagrada curtindo o dia em Trancoso foi Fernanda Lima e os gêmeos João e Francisco.
Fonte: Radar64

Brasília - Pedreiro é tratado como maníaco

 O pedreiro Francisco Cosme Leal da Silva, 39 anos, é suspeito de uma série de estupros de crianças no Distrito Federal. Ontem, a Polícia Civil recebeu pelo menos quatro denúncias de pais, assustados com os relatos dos filhos que o reconheceram como o autor de crimes sexuais praticados em 2010. Três das supostas vítimas, duas delas irmãs, todas com idades entre 9 e 10 anos, moram no Riacho Fundo, onde reside Francisco.

Ele foi preso na noite de quinta-feira, acusado de sequestrar, violentar e matar a menina Beatriz Silva do Nascimento, 9 anos, no domingo de Natal. O corpo dela foi encontrado quatro dias depois, numa região de mata fechada, ao lado de um córrego, no Setor de Chácaras Colônia Agrícola Sucupira, a 500 metros da casa do suspeito. Beatriz será sepultada hoje, às 11h, no Cemitério de Taguatinga.

Para os investigadores do caso, o pedreiro é considerado um maníaco sexual. O titular da Divisão de Repressão a Sequestros (DRS), Leandro Ritt, que comandou a equipe responsável pela prisão de Francisco, acredita que ele tenha praticado outros delitos dessa natureza. “Ele é um psicopata, um pedófilo que, certamente, deve ter deixado um rastro por onde passou. A experiência nos mostra que, com a exposição do caso na mídia, mais cidadãos devem entrar em contato conosco.”

Francisco guardava em casa documentos de uma menina de 12 anos. Ele alega tratar-se de sua filha, que reside com a avó paterna, em Sumaré (SP). Os policiais apuram a veracidade da informação. Foi justamente no município paulista que ele abusou sexualmente de uma criança (leia quadro). Identificado pelas autoridades do Estado, fugiu para Brasília antes de ser preso.

A Justiça de Araxá, em Minas Gerais, também tem dois mandados de prisão expedidos contra o pedreiro, por furto. A promotora de Justiça Maria José Miranda acredita que, se houvesse um sistema de cadastro unificado, com a identificação de todos os foragidos do país, o suposto estuprador poderia ter sido detido antes mesmo de entrar no DF. Ela também citou como causa da impunidade as leis brandas. “É necessário o endurecimento das penas. Hoje, um estuprador fica pouco tempo na cadeia.”

Agora, os policiais se debruçarão sobre o banco de desaparecidos do DF. A intenção é saber se outras vítimas sumiram pelas mãos dele. “Vamos mapear por onde ele andou, cruzar com os locais onde as pessoas desapareceram e saber se há relação”, explicou o delegado da DRS. A frieza do assassino impressionou até mesmo policiais experientes. Depois de violentá-la, ele usou a camiseta azul que vestia para enforcá-la. Após cobrir o corpo com pano e capim, queimou as suas vestes.

Para convencer Beatriz a acompanhá-la até o matagal, o pedreiro ofereceu a ela presentes, balas e chocolates. Imagens gravadas pelo sistema de câmeras de uma loja mostram Beatriz caminhando ao lado de Francisco, numa rua da QS 11, do Areal, em Taguatinga Sul, por volta das 11h30 do dia 25, próximo à casa dela. Beatriz ia para a padaria quando foi abordada. O vídeo revela que o pedreiro parece apressado. Os dois andaram por cerca de 7km até o matagal que serviu de cenário para o assassinato.

A gravação divulgada nos meio de comunicação contribuiu para a prisão do suspeito. Um morador da região telefonou para a polícia e informou o paradeiro de Francisco. Ele reconheceu o pedreiro depois de assistir às imagens. Agentes da DRS foram até o endereço fornecido e encontraram o suspeito, que confessou ser o autor do sequestro e do homicídio. Dentro da casa do pedreiro, havia uma mala cheia de roupas, indicativo de que o suspeito pretendia fugir.

À imprensa, Francisco não demonstrou arrependimento. “Foi um crime bárbaro, sim, que nem eu queria que acontecesse, mas aconteceu”, resumiu.

Psicopatia
O comportamento de Francisco se assemelha ao de outros acusados de violência sexual. Assim como os maníacos de Luziânia e do Novo Gama (leia Memória), o pedreiro era visto como uma pessoa pacata, sem vícios e trabalhadora. O perfil acima de qualquer suspeita faz com que a população não desconfie das intenções dos psicopatas sexuais. É o que explica o professor de psiquiatria da UnB Raphael Boechat. “Trata-se de um transtorno de personalidade associado à estrutura mental da pessoa. E é bastante complicado de se tratar, pois não admitem o problema”, alertou.

Uma proposta polêmica de castrar quimicamente pedófilos tramita no Senado Federal. O professor diz que é possível considerar que tal medida seja aplicada no Brasil, mas ressalta que o Estado deve oferecer alternativas antes de tornar legal o projeto. “É uma possibilidade, mas, antes de adotar algo extremo, o Estado deveria se estruturar para fornecer tratamento”, ponderou.
Fonte: Correio Braziliense

Horror - Menina afegã relata meses de tortura nas mãos de marido e sogros

Um vídeo obtido pela BBC mostra as marcas das terríveis torturas sofridas por Sahar Gul, uma adolescente afegã de 15 anos de idade. Ela se casou há cerca de sete meses - quando tinha apenas 14 anos - com um homem de 30, que, juntamente com seus pais e irmãos torturaram a jovem por meses a fio e ainda fizeram-na passar fome.
O caso veio a público depois que a polícia afegã conseguiu resgatar a adolescente, que havia sido trancada em um porão sem janelas, no porão da casa de seus sogros. Ela teve unhas e tufos de cabelo até mesmo pedaços de sua pele arrancados com alicates. A jovem contou que foi submetida às torturas após ter se recusado a se prostituir. Entidades de direitos humanos dizem que atos de violência contra mulheres são comuns no Afeganistão. Somente no segundo semestre de 2011, foram registrados 1.026 casos. No ano passado, a cifra foi ainda mais elevada, com 2.700 incidentes.
Fonte: BBC Brasil

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Brasília-DF -Menina que desapareceu no Areal foi estuprada e morta por pedreiro

Investigadores da Delegacia de Repressão a Sequestro (DRS) encontraram na noite de ontem o corpo da estudante Beatriz Silva do Nascimento, 9 anos. Ela foi vista pela última vez no domingo de Natal, por volta das 11h30, quando saiu para comprar pão e não retornou para casa, na QS 11, no Areal, em Taguatinga Sul. O pedreiro Francisco Damião Leal da Silva, 39 anos, foragido da Justiça, acabou detido como acusado de ser o autor do homicídio. Ele responde por um estupro em São Paulo e confessou ter violentado e estrangulado a estudante do 4º ano do ensino fundamental. O crime ocorreu em uma mata fechada, ao lado de um córrego, no Setor de Chácaras Colônia Agrícola Sucupira, no Riacho Fundo. A área fica nas proximidades da casa do suspeito.

Os agentes da DRS desvendaram o mistério depois que um morador da região telefonou para o Disque-Denúncia da Polícia Civil, o 197, e informou o endereço de Francisco. A pessoa, que não quis se identificar, reconheceu o pedreiro depois de assistir, em telejornais, ao vídeo em que a garota anda apressadamente ao lado dele. Policiais da DRS foram até o endereço fornecido, um barraco, e localizaram Francisco. Ele confessou ter matado Beatriz. Aos investigadores, contou que agiu com um comparsa. Mais tarde, no entanto, confessou ter praticado o crime sozinho. Uma vizinha de onde ocorreu o crime ouviu gritos de socorro por volta das 23h de domingo.

Na casa do pedreiro, os policiais encontraram uma mala cheia de roupas, indicativo de que o suspeito pretendia fugir. Um vizinho reforçou a hipótese. Ao Correio, o morador afirmou que ontem ele pediu emprestados R$ 300. Pessoas que vivem no Setor de Chácaras contaram que Francisco Damião era um sujeito reservado e se incomodava com a presença de viaturas. Em consulta ao sistema da polícia, descobriu-se que Francisco é foragido da Justiça de Minas Gerais e de São Paulo. Ele acumula dois mandados de prisão em aberto na cidade mineira de Araxá, por crimes não divulgados, e um em Sumaré (SP), por estupro.

Moradores da mesma rua do pedreiro — ele nasceu em Juazeiro do Norte (BA) — disseram que o acusado havia chegado ao bairro havia apenas quatro meses. Recentemente, trabalhou na reforma da casa de uma família que vive próximo à casa de Beatriz. Ainda não é possível confirmar se o suposto assassino teve contato com a vítima nessa época.

O pai da menina, o agente de limpeza e conservação Reginaldo Pereira do Nascimento, 51 anos, acompanhou o trabalho dos peritos do Instituto de Criminalística (IC) durante a noite de ontem. Ele disse que viajava no dia do sumiço da filha e pressentiu que algo de ruim tinha acontecido com ela. A mãe, a operadora de máquina Maria de Lurdes Silva Feitosa, 37 anos, preferiu não ir ao local.

Gravações
Imagens gravadas pelo sistema de vigilância eletrônica de um estabelecimento comercial momentos antes de Beatriz sumir revelam a menina andando com pressa atrás de Francisco, que admitiu tê-la convencido a acompanhá-lo ao prometer presentes, balas e chocolates. Nas cenas, o suspeito, que vestia camiseta azul e bermuda branca, aponta para frente, o que parece empolgar a estudante. Calcula-se que a vítima e o assassino caminharam cerca de 7km, da QS 11 do Areal, onde ocorreu a abordagem, até o matagal, cenário do homicídio. Antes de deixar o local do crime, Francisco ainda cobriu o cadáver de Beatriz com um pano e capim.

“Sempre orientamos a Beatriz a não acompanhar, nem aceitar nada de estranhos. Acho que, por causa da época de Natal, ele possa ter convencido a minha filha de que ela ganharia algum presente. Só pode ter sido algo assim, pois ela nunca foi uma criança rebelde”, disse Maria de Lurdes Silva Feitosa, 37 anos, antes de ser informada da morte da filha. Segundo ela, a estudante do 4º ano do ensino fundamental nunca apresentou histórico de problemas.

Várias equipes da DRS e da 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul) trabalharam na elucidação do mistério. Uma pessoa chegou a ser levada à unidade policial para prestar esclarecimentos, mas acabou liberada por falta de provas.

No dia do sumiço, Beatriz usava um vestido amarelo. Há a suspeita de que o acusado tenha planejado algo, pois alguns comerciantes e moradores relataram à mãe da menina ter visto o homem rondando a região por vários dias. “A dona de uma sorveteria disse que ele já passou por lá. E uma mulher que trabalha num salão de beleza contou que um cara parecido andava circulando por lá”, revelou.

O delegado-chefe da DRS, Leandro Ritt, disse não ter dúvidas de que o corpo é de Beatriz. Em conversa informal com o suspeito, o investigador o avaliou como “frio”. “Ele tem um instinto predador de violentar crianças. Se for solto, vai voltar a cometer os mesmos crimes”, observou.
Fonte: Correio Braziliense

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Modelos desfilam em voo comercial entre La Paz e Cochabamba

Modelos desfilaram de lingerie em voo comercial entre La Paz e Cochabamba nesta sexta-feira (9). O evento, que surpreendeu os passageiros, foi uma promoção de uma marca colombiana de lingerie e ocorreu em voo da empresa aérea estatal BoA.





Fonte: G1

Homem é detido após andar de calcinhas nas ruas de Maracaju, MS

Um homem de 28 anos foi flagrado pela Polícia Militar usando apenas duas calcinhas pelas ruas de Maracaju, cidade localizada a 160 quilômetros de Campo Grande, na madrugada de domingo (31). Ele foi detido e levado até a delegacia para prestar esclarecimentos.

De acordo com a Polícia Militar, a abordagem ao homem ocorreu após denúncias de moradores. Uma equipe policial foi enviada ao local e constatou que o homem estava seminu e perambulando próximo a uma pizzaria. Questionado pelos agentes sobre o motivo, ele alegou que foi expulso da casa da namorada e que ela teria ficado com todas as suas roupas.
O homem apresentava escoriações no joelho e no cotovelo e foi conduzido à delegacia da Polícia Civil para prestar esclarecimentos.
 Ele foi interrogado pelos responsáveis do plantão e, em seguida, foi liberado depois de assinar um termo circunstanciado de ocorrência. Ele só deixou a delegacia de Maracaju após conseguir uma bermuda emprestada.
O delegado João Paulo Sartori registrou o caso como ato obsceno, cuja pena prevista no Código Penal varia de três meses a um ano de detenção. Se for condenado pela Justiça, o homem pode ter a pena convertida em medida disciplinar.
Fonte: G1

PM mata Sargento do Exército em uma briga de trânsito

Um sargento do Exército foi morto ontem (27) após ser atingido por um tiro no tórax depois de se envolver em uma briga de trânsito no bairro Jardim Copiúva, em Carapicuíba (Grande São Paulo). O disparo que o atingiu foi feito por um PM, que foi detido.   Segundo a Polícia Militar, o soldado Adílson Luiz de Oliveira, que estava de folga, trafegava em sua moto pela estrada da Gabiroba, por volta das 6h, quando se envolveu em uma discussão com o sargento Juscelino de Souza Dias, que dirigia uma Zafira. Os dois estavam armados.   Durante a discussão, o policial disparou contra o sargento. O sargento foi socorrido e encaminhado para o pronto-socorro da região, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Segundo a PM, Dias também disparou, mas a arma falhou.   O soldado da PM não se feriu e foi encaminhado para o presídio Romão Gomes, da Polícia Militar. A corporação afirmou que uma perícia ainda deverá confirmar como ocorreu o crime. O caso foi registrado no 1º de DP de Carapicuíba.
Fonte: Folha

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Devido ao acidente com seis mortes, rodovia segue interditada em Lins, SP

O trecho da Rodovia Transbrasiliana na região de Lins, no interior de São Paulo, permanece interditado após acidente que causou a morte de seis pessoas na manhã desta terça-feira (27). Segundo Polícia Rodoviária, que atendeu a ocorrência, um ônibus de turismo bateu de frente com um caminhão com trabalhadores que prestam serviços de recapeamento na rodovia.
Cinco das seis pessoas que estavam no caminhão e o motorista do ônibus morreram. Duas pessoas ficaram feridas, um ajudante do ônibus e um dos trabalhadores que estava no outro veículo. Eles foram encaminhados para Santa Casa de Lins, mas, passam bem e não correm risco de morte. Ainda segundo informações da polícia, o ônibus não levava passageiros.
Os trabalhadores eram de uma empreiteira que presta serviço para concessionária que administra a rodovia. De acordo com a gerência da empresa, parte dos funcionários é de Assis, onde fica a sede da empreiteira, e eles faziam parte de uma equipe que trabalha no recapeamento na Transbrasiliana.
O caminhão saiu de madrugada com seis trabalhadores para serviço em um dos trechos da rodovia, em José Bonifácio, quando aconteceu o acidente. Já o motorista do ônibus seguia de para Marília, onde o veículo seria guardado.
Equipes de resgate e o Corpo de Bombeiros estavam no local até as 8h30 desta terça-feira e a pista teve que ser interditada nos dois sentidos, a previsão é que a pista seja liberada na tarde de hoje. A Polícia Rodoviária orienta que os motoristas façam o desvio por dentro da cidade de Guaiçara. A s causas do acidente são investigadas.
Fonte: G1

Acidente na BR-020 mata duas pessoas e deixa outras três em estado grave

Duas pessoas morreram após uma colisão entre três veículos na BR-020 na manhã desta terça-feira (27/12). O acidente ocorreu depois de Formosa (GO), no trevo para Santa Rosa, segundo informações do Corpo de Bombeiros de Formosa e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do DF.
O fato foi registrado por volta de 8h30. O número de vítimas ainda não foi confirmado. Os bombeiros trabalham agora para retirar os que ficaram presos nas ferragens dos veículos. Três vítimas em estado grave já estão sendo trazidas para o Hospital de Base de Brasília (HBB), duas de helicóptero e uma pela UTI móvel.
Fonte: Correioweb

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Justiça do Irã estuda enforcar mulher por crime de adultério

Autoridades de Teerã garantiram no último domingo que continuam com o plano de executar a iraniana Sakineh Mohammadi Ashtiani, após ter sido acusada de adultério e homicídio do marido, a mulher foi sentenciada à morte por apedrejamento . Desta vez, porém, a justiça do Irã estuda utilizar como pena o enforcamento.
A mulher foi condenada em 2006, mas a execução da sentença foi suspensa no ano passado após fortes críticas da comunidade internacional. Ashtiani já cumpre uma pena de 10 anos por homicídio em uma prisão no Azerbaijão.
"Não há pressa. Estamos esperando para ver se podemos realizar a execução de uma pessoa condenada por apedrejamento ou enforcamento", disse Malek Ajdar Sharifi, chefe do Departamento de Justiça da província de Azerbaijão do Leste, onde a mulher está presa, de acordo com a agência de notícias "Insa".
Segundo Sharifi, a acusação de uma mulher casada manter um relacionamento fora do casamento exige um castigo de apedrejamento.
Sakineh admitiu o "crime" após levar 99 chibatadas. Ela retirou a confissão, mas o ato não teve qualquer efeito na determinação de três dos cinco juízes que participaram da condenação da iraniana.
De acordo com a lei islâmica em vigor no Irã desde a Revolução de 1979, o adultério pode ser punido com morte por apedrejamento. Já crimes como assassinato, estupro, assalto à mão armada e tráfico de drogas podem ter como sentença o enforcamento.
O Vaticano pediu por sua clemência pela mulher, e o então presidente Luiz Inácio da Silva ofereceu asilo político à iraniana.
Fonte:  SRZD

Brasília-DF - Recém-nascida é morta pela mãe com dez facadas

Uma mulher, de 30 anos, é suspeita de matar a filha com dez facadas logo depois do parto. De acordo com a polícia, após o ataque de fúria, a mulher escondeu o corpo do bebê em um cesto de roupa suja. O crime ocorreu no Gama, região administrativa a 30 quilômetros do centro de Brasília. Segundo a polícia, ela confessou em depoimento que escondeu a gravidez da família e afirmou que não queria a criança, por isso teria cometido o crime.
A polícia informou que a mulher começou a sentir as contrações após a ceia de Natal, na madrugada deste domingo (25). Ela teria feito o parto sozinha em casa. O marido dela dormia no momento do assassinato.
A mulher só revelou o crime após ser levada para o Hospital Regional do Gama com um forte sangramento, cerca de oito horas após ter matado a filha. O marido dela contou que não suspeitou da gravidez porque a mulher sempre alegava que estava acima do peso.
A acusada está internada no hospital em observação. De acordo com a polícia, assim que ela tiver alta será encaminhada para o presídio feminino. Ela deve responder por infanticídio e pode pegar de 2 a 6 anos de prisão. A polícia informou que ela também vai responder por ocultação de cadáver.
Fonte: G1

Acidente entre ônibus e veículo Argentino causa mortes em Rosário do Sul, RS

Um acidente envolvendo um ônibus e uma Zafira com placas da Argentina deixou pelo menos cinco mortos e oito feridos na manhã desta segunda (26) no km 457 da BR-290, no limite entre Rosário do Sul e São Gabriel (RS), informou a Polícia Rodoviária Federal. Por volta das 10h30, a pista no local estava parcialmente interrompida.
Morreram no acidente cinco passageiros do carro, todos argentinos: uma mulher, dois homens e duas crianças. A sexta passageira do veículo ficou gravemente ferida e foi encaminhada a um hospital. O motorista do ônibus e outros seis passageiros também ficaram feridos.
De acordo com a PRF, o veículo argentino tentou fazer uma ultrapassagem forçada, que teria ocasionado a colisão frontal. A via é um dos principais acessos dos turistas que vêm da Argentina para passar férias nas praias do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. O acidente aumenta para 23 o número de mortes no trânsito do RS neste feriado de Natal. A contagem começou às 12h de sexta (23) e vai até 12h desta segunda (26).
Nove mortes no domingo Em Carazinho, um acidente de trânsito vitimou o motorista Darci Luiz Gatti, de 54 anos, que estava sozinho em uma van. De acordo com a Brigada Militar, ele teria perdido o controle do veículo.
Em Miraguaí, uma colisão frontal entre um Vectra e um Golf no km 31 da ERS-330 deixou dois mortos: Dilceu Carvalho, de 29 anos, e Marcia Delfino dos Santos, 21, ambos passageiros do Vectra. O motorista do veículo passou por exames e foi registrada alta dose de álcool ingerida. Ele prestou depoimento e foi levado para o presídio de Três Passos.
Um acidente envolvendo um carro e uma caminhonete em Pelotas vitimou o condutor de um Corolla, Jone Luis Prietsch, de 47 anos. De acordo com a BM, os dois veículos trafegavam no mesmo sentido quando o carro bateu na traseira da caminhonete carregada de frutas e legumes. O outro condutor Clesio Moacir Lerm, de 48 anos, foi encaminhado ao pronto socorro de Pelotas e não corre risco de morte.
Um acidente na BR-386, em Sarandi, matou um dos passageiros do Voyage que havia capotado na rodovia. Marcelo Dorli Carlos da Silva, 25 anos,foi arremessado para fora do veículo e chegou a ser encaminhado ao hospital, mas não resistiu às graves lesões. Outras duas pessoas que estavam no veículo, incluindo o motorista, sofreram ferimentos leves.
Um homem de 22 anos conduzia uma moto na altura do km 10 da rodovia de Vista Alegre, no norte do estado. Por volta das 8h, o veículo bateu em uma placa de sinalização e o motociclista morreu no local.
Na Estrada do Mar, em Capão da Canoa, no litoral norte gaúcho, uma mulher de 58 anos morreu. Ela era passageira de um carro Fox colidiu comuma árvore às 6h45min deste domingo na altura do quilômetro 45.
Em Sinimbu, no Vale do Rio Pardo, um motociclista de 21 anos morreu ao perder o controle do veículo na estrada. Segundo a Brigada Militar, ele não tinha carteira de habilitação.
Em Porto Alegre (foto), um Fiat Uno com cinco ocupantes caiu no Arroio Dilúvio, na Avenida Ipiranga. Um dos passageiros morreu, e os outros três foram hospitalizados. Já a mulher que conduzia o veículo não sofreu ferimentos graves. A informação é da Brigada Militar.
Cinco mortes no sábado O primeiro óbito do dia no estado ocorreu às 4h30. Em Porto Alegre, na rua Pereira Franco, no bairro São João, um homem morreu carbonizado após o carro pegar fogo. Segundo a Brigada Militar, o incêndio teria começado após o veículo bater em um poste. A vítima ainda não foi identificada.
Em Passo Fundo, no norte do estado, uma mulher morreu na BR-285 ao colidir o seu automóvel Gol com outro veículo. Jane Aparecida Vieira Gonçalves, 34, perdeu a vida no local por volta das 4h40.
Na BR-386, em São José do Herval, uma adolescente de 15 anos não resistiu a uma batida envolvendo quatro veículos. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal de Soledade, o acidente ocorreu às 7h30.
Duas pessoas morreram numa colisão entre um motocicleta e um caminhonete em Alvorada. O acidente foi na Avenida Getúlio Vargas por voltadas 8h. Juliano Rosa Severo, de 22 anos, e Rochane Pureza, de 20 anos foram socorrido pelo SAMU, mas morreram no hospital.
Quatro mortes na sexta-feira Uma criança de seis anos perdeu a vida ao ser atropelada por um caminhão em Pedro Osório, no sul do estado. Ela morreu ao ser atingida pelo veículo que transportava o Papai Noel.
Na BR-101, em Maquiné, um motociclista colidiu em um caminhão. Édson Espíndola, 47 anos, morreu no local.
Um acidente na RSC-472, em Santo Cristo, no noroeste do Rio Grande do Sul, causou o óbito de Edgar Berft. O motorista de 60 anos bateu a sua Brasília em uma motocicleta. Berft morreu na hora.
Um funcionário da Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) não resistiu ao perder o controle do veículo da Companhia em Granja do Salto, no sul do estado. Timóteo de Aguiar Mendes, 30, caiu em um canal de irrigação.
Fonte: G1

domingo, 25 de dezembro de 2011

Vietnã- Mercado vende rato como comida

No mercado vietnamita da vila de Canh Nau, a cerca de 40 km de Hanói, ratos abatidos são vendidos como item de alimentação, ao lado de legumes e verduras.
Canh Nau é conhecida como a vila onde as pessoas comem carne de ratos, bem como outros tipos de carne de animais. Um quilo de ratos abatidos custa o equivalente a US$ 3,80. Cerca de 100 kg de ratos são vendidos por dia na aldeia. 
Segundo a agência Reuters, no passado ratos eram consumidos pela população em razão da pobreza na região, mas agora eles passaram a ser uma iguaria especial no calendário do país.



Fonte: G1

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Empresário sendo assassinado por vigia em banco de Cuiabá

 Imagens exclusivas do circuito interno de segurança, divulgadas na segunda-feira (19) pela TV Centro América, revelaram o momento em que um empresário de Cuiabá foi assassinado dentro de uma agência bancária pelo vigia. O crime ocorreu no dia 21 de junho deste ano, no momento em que Adriano Henrique de Campos, de 73 anos, tentava sair do banco, localizado na Avenida Carmindo de Campos, passando pela porta-giratória. Ele foi atingido por tiros e morreu na hora.
Os últimos momentos do empresário foram registrados por quatro câmeras do circuito interno do banco. As imagens mostram que várias pessoas passaram pela porta de segurança do local com bolsas e capacetes sem que a porta fosse travada. Mas no instante em que o empresário chega à agência e tenta passar pela porta, o detector de metais o impede de entrar.
Nesse instante, o vigia se aproxima e libera a porta-giratória. Porém, o empresário estava apenas com uma folha de papel na mão e por ter sido barrado, as imagens mostram que ele faz um gesto com a mão para o vigia. Momento em que supostamente o empresário teria ofendido o funcionário e seguiu em direção ao balcão de atendimento.
O circuito interno de segurança revela ainda que a vítima permaneceu por 14 minutos dentro da agência. Depois de ser atendido, Adriano vai a um caixa eletrônico e paga algumas contas. Após realizar as operações bancárias, o empresário tenta sair do estabelecimento mas não consegue, porque novamente a porta é travada. O vigia então se aproxima da vítima e com um revólver em punho efetua os disparos.
O tiro fatal foi na cabeça da vítima. O vigia, como mostram as imagens, teve tempo de atirar no vidro para sair da agência. Já na avenida, o segurança consegue parar um motociclista que trafegava na pista e rouba o veículo para fugir.
O ex-segurança, de 28 anos, que confessou o crime e está foragido, foi indiciado por homicídio qualificado. O Ministério Público Estadual (MPE) já recebeu o inquérito policial, mas ainda não decidiu se irá oferecer denúncia contra o indiciado.
Para o advogado da família de Adriano, Flávio Alexandre Bertin, o crime foi premeditado. O advogado disse ainda que a família ingressou com pedido de indenização por danos morais e materiais. “Por melhor que seja a reparação que nós estamos buscando, não traz a vida dele [empresário] de volta”, avaliou.

Morte

O crime ocorreu por volta das 13h, do dia 21 de junho. Dias depois do assassinato, já não podendo ser preso em flagrante, o vigia se apresentou à polícia e prestou depoimento. Ele alegou que teria cometido o crime por ter sido ofendido verbalmente pelo empresário com palavras racistas. Após prestar esclarecimentos, o ex-segurança saiu da delegacia com o rosto coberto e desde então é considerado pela Polícia Civil como foragido.
Fonte: G1

Duas irmãs de 5 e 9 anos morreram atropeladas em Itaguaçu -SP

Duas irmãs de 5 e 9 anos morreram atropeladas na porta de casa, no bairro de Itaguaçu, em Aparecida, no interior de São Paulo, nesta segunda-feira (20). As meninas estavam com o pai quando o carro desgovernado as atingiu antes de capotar.
"O carro se perdeu e levou minha filha, levou as duas", afirmou o pai. 
A mais velha, Maria Eduarda, morreu no local. A caçula chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do hospital.
Um garoto que estava sentado na calçada quase foi atingido pelo veículo. "Eu pulei para trás. O carro passou de raspão em mim", disse. 
Revoltadas, algumas pessoas colocaram fogo no carro. Os dois homens que estavam no veículo foram retiradas do local para evitar que fossem agredidos. Eles foram presos e levados para a delegacia de Guaratinguetá, no interior de São Paulo.
Segundo informações da Polícia Militar, motorista e o passageiro vão fazer exames médicos, que poderão constatar se estavam alcoolizados.
Fonte: G1


segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Servidora suspeita de desviar R$ 7 milhões do TRT foi presa pela Policia Federal

A servidora pública do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 10ª Região, em Brasília, Márcia de Fátima Pereira e Silva Vieira, foi presa nesta segunda-feira (19/12) pela Polícia Federal. A mulher é suspeita de desviar R$ 7 milhões de indenizações do órgão. Na operação intitulada Perfídia foram cumpridos também mandados de prisão temporária de três familiares da mulher, de busca, apreensão, sequestro de bens e valores, incluindo o de pessoas que podem ter participado como laranjas no esquema.

Correio apurou que Márcia de Fátima não fazia parte dos quadros do tribunal: foi cedida ao órgão em 2002 pela Prefeitura de Luziânia (GO). É suspeita de peculato, crime em que um servidor púbico se apropria de algo em função do cargo que ocupa, com pena de até 12 anos de prisão. Mesmo com processo administrativo do TRT, a expulsão do serviço público depende exclusivamente da prefeitura de Luziânia.

Rombo nos cofres

A funcionária tinha acesso amplo e irrestrito aos processos trabalhistas e passou a usar ordens judiciais falsas para recolher indenizações que estavam depositadas no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal. O prejuízo estimado é de R$ 7 milhões, conforme revelou o Correio no sábado (10/12). No entanto, a Superintendência da PF suspeita que o valor seja superior, já que ela tinha autorização para realizar a movimentação bancária desde 2006.


Assim que o dinheiro era liberado pelas instituições bancárias, a servidora transferia os valores para contas pessoais e de familiares. Já foram identificados repasses para o marido de, a mãe, irmãos e outros parentes da servidora. A Justiça  determinou inclusive o bloqueio de R$ 3 milhões da conta de cada um dos possíveis envolvidos.

Ela está presa na carceragem da Polícia Federal e deve ser encaminhada à tarde para o Presídio Feminino, Colmeia, no Gama. Uma coletiva de imprensa será realizada por volta das 14h, na sede da Polícia Federal.
Fonte: Correio Brazilense

Ministro Marco Aurélio Mello decide limitar atuação do Conselho Nacional de Justiça

Em decisão individual, o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), limitou a atuação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) nos processos administrativos contra magistrados. A ação é de autoria da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), que acionou o STF contra uma resolução editada em julho pelo CNJ.

De acordo com Marco Aurélio, o conselho só deve atuar para punir magistrados quando o caso já tiver sido encerrado na corregedoria local. O ministro esclarece, no entanto, que sua decisão não cancela o poder do CNJ de chamar para si a responsabilidade de julgar casos que não andam.

“Pode continuar avocando, desde que haja um motivo aceitável, e não pela capa do processo. O que não pode, em última análise, é atropelar o trabalho das corregedorias locais”, explicou o ministro.

A decisão ainda deve ser referendada pelo plenário do STF, que só volta a se reunir em fevereiro de 2012, mas já produz efeitos, enquanto isso. O ministro justificou a necessidade de urgência da sua decisão individual lembrando que o caso foi pautado no dia 5 de setembro e se manteve pronto para julgamento em 13 sessões, sem ser chamado.

O poder de atuação do CNJ foi motivo de polêmica depois que a corregedora-nacional de Justiça, ministra Eliana Calmon, disse que o julgamento favorável da ação da AMB abriria brechas para “bandidos escondidos atrás da toga”. A declaração foi divulgada na véspera do julgamento do caso pelo STF, e gerou repercussão na cúpula do Judiciário, que acusou a ministra de fazer declarações “levianas”. Desde então, o julgamento vem sendo sucessivamente adiado.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Um video postado no Youtube que mostra mulher agredindo cão vai ser investigado pela polícia em GO

A Polícia Civil de Formosa, cidade de Goiás localizada no Entorno do Distrito Federal, abriu inquérito há 25 dias para investigar uma denúncia anônima de maus-tratos a um cachorro que aparenta ser da raça Yorkshire. Segundo o delegado que investiga o caso, Carlos Firmino Dantas, o cachorro morreu.
A agressão foi filmada e o vídeo, divulgado no YouTube. Nas imagens, uma mulher agride o cão na frente de uma criança. O animal chega a ser arremessado para o alto e preso dentro de um balde.
Segundo o delegado, a mulher se apresentou na delegacia acompanhada de um advogado, mas não prestou depoimento. O G1 buscou contato com a responsável pelo cão através dos telefones divulgados juntamente com a denúncia na internet.
O G1 esteve na casa onde a mulher vive com o marido e uma filha, a que aparece na gravação. O apartamento estava fechado e ninguém atendeu à campainha. Policiais que estiveram pela manhã na casa da mulher para pedir que ela evitasse aparecer em público devido à repercussão negativa do caso também não encontraram ninguém no apartamento.
O marido da mulher, que é médico, foi trabalhar de manhã em um posto de saúde da cidade, mas deixou de atender às 10h e suspendeu as consultas agendadas para o período da tarde. Na quinta-feira à noite, a equipe de reportagem conversou por telefone com uma mulher que, no início, disse ter uma filha com o mesmo nome citado na investigação. Mas, após ver o vídeo, negou que ela fosse sua filha.
O delegado Dantas disse que um inquérito foi aberto no dia 21 de novembro após a polícia ter recebido uma denúncia anônima e uma cópia do vídeo da agressão ao animal. Segundo ele, a dona do cachorro afirmou que agrediu o animal porque estava em um "mau dia".
O vídeo mostra a mulher chutando o cachorro e jogando o animal no chão. A gravação foi feita do alto, do que aparenta ser um andar com vista para a área de serviço da casa da mulher.
O vídeo de 3min26seg registra três momentos distintos, e a mulher aparece com roupas diferentes na gravação. O cachorro não se mexe depois das agressões. A mulher chega a colocar um balde sobre o animal.
Dantas disse que a pena prevista por maus-tratos pode chegar a até dois anos, caso a mulher seja processada e condenada. Como as agressões ocorreram em frente a uma criança, ele disse que a mulher pode ainda ser denunciada com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
O caso provocou repercussão nas redes sociais. O vídeo, publicado na quarta (14), teve mais de 320 mil visualizações até por volta das 10h desta sexta.
No Twitter, a vereadora Heloísa Helena (PSOL), que é ex-senadora e cumpre mandato atual na Câmara Municipal de por Maceió, anunciou que serão formalizadas ações no Ministério Público e defendeu a aprovação de lei contra maus-tratos dos animais.
O vereador Elias Vaz de Andrade (PSOL) anunciou que vai entrar com representação na delegacia-geral de Formosa nesta manhã.
Fonte:G1

Acidente envolvendo um Fiesta Sedan e um bitrem na BR 242




Um grave acidente envolvendo um Fiesta Sedan e um bitrem, ocorrido por volta das 12 horas de ontem, 15, no Km 738 da BR 242, nas proximidades da cidade de Cristópolis, região Oeste da Bahia, vitimou Vinicius Nepomuceno Santos, que completaria 01 ano de idade no próximo dia 29/12.

Segundo informações policiais, o condutor do Fiesta Sedan, que era pai do bebê, perdeu o controle do veículo após passar por um buraco na pista e foi em direção ao bitrem, colidindo em sua lateral.
 A família que seguia de Ribeirão Preto/SP para Ruy Barbosa/BA, já havia começado a viagem de forma equivocada, já que transitava com seis pessoas em um veículo com capacidade para apenas cinco, e no momento do acidente a mãe havia retirado a criança da "cadeirinha" e levava a criança no colo, para amamentá-la, sendo essa uma possível causa da morte do bebê.

São casos como esse que reforçam a necessidade do estabelecimento de condutas seguras no trânsito, já que uma pequena atitude irresponsável pode trazer consigo danos irreparáveis a uma família, como aconteceu neste caso. Assim, se houver a necessidade de amamentação, o mais correto é que o veículo esteja parado em um local seguro, para que a viagem seja efetuada sempre com total segurança para os ocupantes do veículo.

Todos os outros ocupantes do carro de passeio tiveram ferimentos, e foram encaminhados pelo SAMU ao Hospital do Oeste, em Barreiras. O condutor do Bitrem, Nirlei Kelvis Santos Oliveira, não sofreu ferimentos.

Vítimas
Arlênio Boaventura Santos (Lesões graves)
Lidioníce da Silva Nepomuceno Santos (Lesões leves)
Lidiane da Silva Nepomuceno (Lesões leves)
Daniel Nepomuceno Santos (Lesões graves)
Lair Nepomuceno Santos (Lesões leves)

Fonte: Jornal Nova Fronteira

Brasília-DF - Justiça derruba alta patente concedidas a 91 PMs durante gestão de Rosso

TJDFT cassa liminar que amparava a promoção de policiais militares pelo ex-governador Rogério Rosso aos cargos de tenente-coronel e coronel. Eles podem ter de devolver o dinheiro recebido desde a promoção, concedida no fim do ano passado.

Um exagero de promoções concedidas a oficiais militares na gestão do ex-governador Rogério Rosso (PSD) vai resultar em uma situação inusitada. Para cumprir determinação judicial, o governo terá de rebaixar 91 oficiais que tiveram a patente aumentada por força de um mandado de segurança agora sem validade. Em 8 de novembro, o Conselho Especial do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) revogou a liminar concedida em dezembro de 2010 que amparou a ascensão dos militares.

Pela Lei Federal nº12.086, de 2009, as promoções na carreira militar devem obedecer a critérios não apenas de antiguidade e de merecimento. Há um teto na quantidade de oficiais divididos em suas várias patentes. Ou seja, para subir na carreira militar é preciso ter mérito e vaga. Hoje, a PM tem um efetivo de 15.432 homens. De acordo com a legislação, pode até chegar a 18.673 postos desde que a corporação tenha orçamento para pagar os oficiais. O que não está permitido é extrapolar a quantidade de patentes calculadas sobre o total de homens na ativa. Assim, o máximo de coronéis permitidos na corporação são 39. Coronel é o topo da carreira militar. Logo abaixo estão os tenentes-coronéis, que poderiam somar até 79 no DF.

No início de janeiro, quando Agnelo Queiroz assumiu o governo, havia um total de 209 oficiais superiores, entre coronéis e tenentes-coronéis, número bem acima do limite legal. Em vez de 39 coronéis eram 64 e outros 145 tenentes-coronéis, um excedente de 91 homens nas patentes mais elevadas da PM. Várias ascensões ocorreram no apagar das luzes de 2010. O edição do Diário Oficial do DF de 28 de dezembro registra a promoção por antiguidade de 58 oficiais superiores (coronel, tenente-coronel e major). Dessas, 35 foram concedidas aos chamados oficiais agregados. A iniciativa beneficiou aliados de Rosso enquanto governador, mas, com a decisão do TJDFT, não encontra mais respaldo legal.

Agregrados
Oficial agregado é como são identificados, no jargão militar, os oficiais que foram tirados das funções restritas à corporação para cumprir missão no governo. Ou seja, são policiais em suas mais variadas patentes que passam a ocupar cargos de confiança no organograma do GDF. A movimentação deles é legal, está prevista não apenas na Lei nº 12.086, como também no Decreto nº 88.777.

Para efeito da contagem de promoções dos militares, quem permanece na corporação sem ocupar cargo no Executivo ou no Legislativo é tratado como numerado. Assim, quando algum militar é destacado para o governo deixa de ser numerado, passa e a ser agregado e o efeito prático disso é que se abrem vagas para a promoção dos numerados. Os agregados não perdem a chance de serem também contemplados com patentes mais altas, mas ficam na condição de exceção, chamados, justamente por isso, de excedentes.

Ao encaixar dezenas de oficiais no organograma do governo, a administração Rosso abriu assim uma brecha para promover vários militares que aguardavam a vez para se tornarem majores, tenentes-coronéis e coronéis. A medida foi recriminada pelo Tribunal de Contas do Distrito Federal, que, em 14 de dezembro do ano passado, tomou a decisão de “determinar ao Distrito Federal e à corporação que se abstenham de efetivar novas promoções de militares, com respaldo no instituto da agregação, ou em decorrência desta, até a apuração dos fatos e ulterior manifestação do Tribunal”.

Foi então que a Procuradoria do Distrito Federal, em 23 de dezembro, entrou com um mandado de segurança para neutralizar os efeitos da decisão do TCDF. Um dos argumentos da Procuradoria, à época, foi de que a Corte tomou a decisão amparada em denúncia anônima e que o Estado poderia apurar “com cautela e sem por em risco direitos de terceiros, como investigados, e, na hipótese, dos servidores militares que serão promovidos”. A ação dos advogados do Distrito Federal foi acatada por força de uma liminar assinada pelo desembargador Dácio Vieira, em 22 de dezembro. “Não havendo, ademais, pronunciamento judicial quanto a cogitada ilegalidade ou inconstitucionalidade acerca do instituto da agregação, tudo a configurar a iminência de graves prejuízos à ordem administrativa da Corporação Militar em tela, caso não tenha curso a cerimônia de promoção já designada para o próximo dia 26 do corrente mês”, disse o desembargador em sua decisão.

Salários de volta
Quase um ano depois, no entanto, a liminar de Dácio caiu por força de uma decisão colegiada do Tribunal de Justiça. E, nesta semana, o Tribunal de Contas do DF reforçou a medida do TJDFT ao conceder a medida cautelar ‘inaudida altera pars” no sentido de determinar ao DF e à corporação, novamente, que se abstenha de efetivar novas promoções de militares.

Os desdobramentos jurídicos do caso terão repercussão prática para policiais militares. O chefe da Casa Militar, coronel Leão, tem uma reunião hoje com o procurador-geral do DF, Rogério Leite Chaves, com quem vai discutir as alternativas para resolver o problema da farra das promoções. Uma das alternativas é rebaixar a patente dos oficiais que foram promovidos com amparo na liminar cassada pelo TJDFT. Se isso ocorrer, os policiais podem, inclusive, ter de devolver salários.

Ao longo dos últimos meses, a Casa Civil aposentou 22 coronéis e dois tenentes-coronéis na tentativa de diminuir a diferença entre o que a legislação permite e a quantidade de oficiais superiores. “O GDF se pautará nas determinações judiciais, sejam do TJDFT ou do TCDF, bem como em preceitos legais que regem as promoções nas corporações militares. O que se fez foi um desmando da administração anterior prejudicando, sobremaneira, as estruturas militares do DF”, atacou Leão. Na sala do coronel há uma peregrinação diária de militares que até reúnem tempo de farda para serem promovidos, mas em função do excesso em 2010 vão ter de esperar mais.
Fonte: CorreioWeb

Entorno de Brasília - Menina de 12 anos suspeita de matar adolescente de 15 anos é apreendida em Santa Maria

A menina de 12 anos suspeita de matar, a facadas, uma adolescente na madrugada de ontem foi apreendida nesta quarta-feira (14/12) pela Polícia Civil do Distrito Federal. O episódio aconteceu em Santa Maria. A garota confessou o crime e será conduzida à Delegacia da Criança e Adolescente.
De acordo com o delegado Guilherme Nogueira, da 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria), a garota foi apreendida às 17h na Quadra 215, na residência de um conhecido, Marcos Mendes Ribeiro, 19 anos. "O amigo da acusada também foi detido por ter ajudado a menina a se esconder, o que denominamos de favorecimento pessoal", explica.
O delegado conta que a menina estava tranquila no momento em que confessou ter matado a outra adolescente de 15 anos. "O crime foi por conta de uma briga, por motivo fútil", conta.

Entenda o caso

A vítima, uma jovem de 15 anos, foi morta à facadas por volta das 3h desta terça-feira (13/12), em uma rua do conjunto A da Quadra QR 217. Ela morava na QR 118 e estava perto de uma distribuidora de bebidas no momento do crime. Levada ao Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), ela não resistiu aos ferimentos.
Acionada, a Polícia Militar afirmou ter encontrado uma faca de açougueiro, com lâmina de 30 centímetros, no local do crime. Pelo menos três facadas foram desferidas nas costas da jovem.
Fonte: Correio Braziliense

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

transexuais estreiam como aeromoças em companhia aérea na Tailândia

A PC Air tornou-se a primeira do país a contratar transexuais para exercer a função de aeromoças, classificando-os como "terceiro sexo" para as autoridades de imigração.
A companhia aérea tinha contratado as aeromoças no início do ano após uma concorrida seleção. Os requisitos solicitados às candidatas transexuais foram os mesmos que a PC Air pede às mulheres, como beleza, simpatia e feminilidade.
A Tailândia tem a reputação de ser um país tolerante em relação aos transexuais, embora haja denúncias de que continuam a sofrer perseguições no país.

107 pessoas morrem após consumir álcool adulterado

Pelo menos 107 pessoas morreram e outras 50 permanecem internadas em estado crítico após consumir álcool adulterado na localidade de Sangrampur, no estado indiano de Bengala, segundo uma última apuração divulgada nesta quinta-feira pela agência oficial "PTI".
 O superintendente da Polícia regional, L.M. Meena, tinha precisado no começo da manhã à Agência Efe que até então 89 pessoas haviam falecido e que outras 160 permaneciam hospitalizadas.
 Os primeiros falecimentos aconteceram ontem, e a imprensa local indica que o número ainda pode aumentar nas próximas horas, já que há várias pessoas hospitalizadas em estado grave.
Segundo a rede de televisão "NDTV", a maior parte das mortes aconteceu por problemas respiratórios e insuficiência cardíaca.
 As vítimas, em sua maioria trabalhadores, entre os quais figuram menores de idade, consumiram o álcool adulterado, de fabricação caseira, em um estabelecimento próximo à estação de trem da localidade.
 Após ficar clara a magnitude da intoxicação em massa, aldeões enfurecidos demoliram o lugar que vendeu a bebida, aparentemente misturada com um produto químico não identificado. A mistura é conhecida localmente como "Cholai".
Fonte: Clicabrasilia

33 presos em operação contra jogo do bicho em quatro Estados

A Polícia Civil, junto com o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) e o Ministério Público estadual, realiza na manhã desta quinta-feira (15) uma mega operação contra o jogo do bicho nos Estados do Rio de Janeiro, Maranhão, Bahia e Pernambuco. Até o momento, 33 pessoas foram presas, entre elas o ex-prefeito de Teresópolis, Mário Tricano. A operação Dedo de Deus cumpre 60 mandados de prisão e 125 de busca e apreensão na capital fluminense, na Região Serrana e na Baixada Fluminense.
Cerca de 680 agentes, entre eles 120 delegados, participam da operação e contam com a ajuda de um helicóptero no Rio de Janeiro. Os agentes realizam buscas nas residências, construtoras, empresas que fabricam artigos eletrônicos e gráficas. As investigações começaram há cerca de um ano.
Segundo informações do jornal Bom Dia Brasil, em uma cobertura que seria de um contraventor, na avenida Atlântica, em Copacabana, na zona sul do Rio, os agentes desceram de rapel do helicóptero da Polícia Civil.
Eles também estão no barracão da Beija-Flor, na Cidade do Samba, onde fazem uma varredura.
Fonte: Uol

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Carro conduzido por Adolescente atropela criança de dois anos

Uma criança de dois anos foi atropelada na noite de terça-feira (13) por um carro com dois adolescentes a bordo, no bairro de Santa Cruz, zona oeste do Rio de Janeiro. De acordo com policiais militares do 27º BPM (Santa Cruz), o automóvel havia sido roubado em novembro em Campo Grande, também na zona oeste.
O atropelamento ocorreu na Rua Júlio José Ferreira, no Conjunto João XIII. A vítima foi encaminhada para o Hospital Estadual Rocha Faria e, segundo a unidade, já recebeu alta. A criança sofreu escoriações no joelho, na mão e no rosto, passou por curativos e foi liberada.
Os dois adolescentes, de 15 e 16 anos, foram levados para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) e a ocorrência foi registrada na 36ª DP (Santa Cruz). A polícia investiga como ocorreu o atropelamento e como o carro roubado estava com os adolescentes.
Fonte: Último segundo

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Homem morre dentro de cabine erotica assistindo filmes pornôs

Um homem de 49 anos morreu dentro de um cinema que exibe filmes pornôs, em Belém (PA), no domingo (11). De acordo com a polícia, ele teria tido um infarto e morreu no local.
Testemunhas disseram que ele estava em uma cabine reservada com uma mulher, mas a polícia disse que não foi encontrado indício de que ele estava acompanhado, mas que irá investigar o caso. A família reconheceu o corpo ainda no cinema e a vítima foi encaminhada ao IML (Instituto Médico Legal) da capital.
Fonte: R7

Farmácia de manipulação em Minas produziu medicamento que pode ter matado oito pessoas

O dono e farmacêuticos da farmácia de manipulação Fórmula Pharma, produtora de um remédio que pode ter causado a morte de oito pessoas na Região de Teófilo Otoni, em Minas Gerais, devem ser ouvidos ainda esta semana. A informação foi passada pela Delegada Herta Coimbra, responsável pelo caso. “Estou apenas com dois boletins de ocorrência. Devo receber os outros seis para cruzar os documentos apreendidos dentro da farmácia com as pessoas. Na quarta-feira devo ouvir o dono da farmácia”, afirma a delegada.

As investigações sobre o caso começaram no dia 1º de dezembro e apontaram uma possível relação entre os casos e a ingestão do Secnidazol 500 miligramas. As 180 cápsulas, manipuladas em 14 de novembro, serão analisadas para ver se sofreram contaminação cruzada por outro medicamento. Outra suspeita, de acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), é que na fórmula do Secnidazol, usado no combate à verminoses, tenha sido utilizado como anti-hipertensivo.

Nesse domingo, morreu a oitava vítima que pode ter sido intoxicada pelo medicamento. Letícia Lopes dos Santos, de 22 anos, estava internada no hospital da cidade. A mãe dela, Adélia Lopes de Paixão, já havia morrido na sexta-feira. Um casal, que também ingeriu o remédio, segue internado no hospital.

De acordo com a delegada, o dono da farmácia pode responder por homicídio. “Temos que esperar os laudos do Instituto Médico Legal (IML) para comprovar se o remédio manipulado pela farmácia foi o causador da morte ou não, para depois sim indiciá-lo”, diz Herta Coimbra. O resultado deve ficar pronto dentro de 30 a 40 dias.

Alerta
A Secretaria de Estado de Saúde pede que as pessoas não usem o medicamento Secnidazol 500mg ou outros medicamentos produzidos pela Fórmula Pharma. Outros 11 pacientes de Teófilo Otoni e municípios vizinhos podem ter usado o mesmo medicamento, conforme documentos encontrados na farmácia. Caso estejam de posse do medicamento, pacientes devem interromper, imediatamente, o uso.

Os sintomas de intoxicação medicamentosa são queda da pressão arterial, batimento cardíaco acelerado, dor no peito, arroxeamento da pele e sensação de desmaio.
Fonte: Correio Braziliense

Polícia vai ouvir testemunhas que ajudem a esclarecer uma briga que aconteceu dentro de uma boate na Ilha do Governador

A Polícia Civil vai ouvir testemunhas que ajudem a esclarecer a briga que aconteceu dentro de uma boate na Ilha do Governador, no Rio. A confusão foi na madrugada de sexta-feira (9) e deixou um jovem de 28 anos ferido. Dois policiais militares foram presos acusados da agressão.
O jovem, Rorion Moraes, sofreu inúmeras agressões na cabeça e desamaiou. "Vamos ouvir pessoas que ajudem a esclarecer essa briga. Por enquanto, sabemos que um policial militar foi responsável pela agressão. O outro PM estava no local, mas não sabemos qual foi seu envolvimento", explicou o delegado Deoclécio Francisco Filho, da 37ª DP (Ilha do Governador), responsável pelo caso.

Imagens mostram agressõesOs PMs foram identificados pelas câmeras do circuito interno da casa noturna no momento em que chegam ao local. As imagens do interior da boate mostram quando a vítima se desentende com um homem. Um amigo tenta afastá-lo e ele cai. Ao se levantar, leva um soco e, em seguida, ele é atingido por um banco de madeira. Desmaiado, ele leva mais chutes, que só param quando os seguranças da casa entram em ação.
O delegado informou também que uma patrulha da PM esteve no local na noite do incidente. Os PMs foram identificados e serão indiciados por prevaricação, já que omitiram socorro. “Podia ter morrido, podia ter ficado aleijado. Do jeito que eles agiram ali, uma pessoa normal não age”, disse a vítima após ser socorrida.
A Corregedoria da Polícia Militar investiga se outros policiais tiveram envolvimento na briga.
Fonte:G1

domingo, 11 de dezembro de 2011

Suspeito de agredir e impedir mulher de sair de casa em SC

A Polícia Civil de Santa Catarina prendeu na sexta-feira (9) um homem de 34 anos suspeito de manter a própria mulher em cárcere privado na cidade de Camboriú.
Na casa, a mulher foi encontrada trancada, amarrada e com marcas de hematomas pelo corpo. Ela também tinha uma cicatriz na testa, que teria sido uma tentativa do marido de marcar a palavra “adúltera” no corpo dela com uma faca aquecida.
O casal vivia há 11 anos juntos e têm três filhos – de 9 anos, 7 anos e um bebê de 9 meses. A mulher e as crianças estavam abalados emocionalmente. O filho mais velho estava usando uma tipoia, que teria sido em função da agressão do pai.
A mulher relatou, segundo a polícia, que a violência começou há alguns anos, mas se intensificaram nas últimas. O marido, disse, acreditava que era traído e a violentava e espancava diariamente, amarrando suas mãos, pés e boca para que ela não gritasse.
A vítima relatou ainda que não podia sair sozinha de casa e era trancada à força no imóvel quando o marido saía, chegando a ficar mais de 30 dias sem sair de casa. A vítima afirmou também que o marido era usuário de drogas.
Fonte: G1



sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

criança de 3 anos é encontrada bêbada em bar no Ceará

Um menino de 3 anos de idade foi encontrado alcoolizado por agentes da Polícia Militar na quarta-feira em um bar na zona rural do município de Quixadá, sertão central do Ceará. A criança, de acordo com a PM, estava visivelmente embriagada e foi levada até o Instituto Médio Legal (IML) de Quixeramobin, cidade vizinha, por representantes do Conselho Tutelar para exames. O menino teria desmaiado e apresentado sinais de coma alcoólico, sintoma contornado com os cuidados médicos.
A proprietária do estabelecimento foi conduzida à delegacia da cidade para prestar depoimento sobre o caso. De acordo com a polícia, a mulher informou que a bebida foi dada ao menino pelo filho dela, de 11 anos. Os pais do garoto também foram intimados à delegacia para prestar esclarecimentos. A criança passa bem.
Fonte: Terra

Subprefeitos de São Paulo terão mega salário

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, disse nesta sexta-feira (9) que irá sancionar o projeto de lei que aumenta o salário de 31 subprefeitos de R$ 6,5 mil mensais para cerca de R$ 19,2 mil mensais a partir de 1º de janeiro de 2012. Kassab defendeu o aumento e disse que ele é necessário. “O projeto será sancionado, vamos ser justos. É de minha inspiração, eu defendo esse projeto”, afirmou.
O projeto foi aprovado por 37 votos a favor e 11 contra no fim da noite desta quinta-feira (8). Ele foi encaminhado à Câmara Municipal pelo próprio Kassab, e foi aprovado na íntegra, exceto uma vírgula, em relação ao texto original. O projeto também beneficia os cargos em comissão do nível de direção superior das secretarias, subprefeituras, autarquias e fundações municipais. O chefe de gabinete das secretarias, por exemplo, terá o salário elevado de R$ 5,4 mil para R$ 17,3 mil. Secretários adjuntos, superintendentes, presidentes e diretores de fundação, que hoje ganham menos de R$ 6 mil mensais, passarão a ganhar R$ 18,3 mil mensais.
“Eu deixei propositadamente para encaminhar no último ano de gestão para que ficasse claro que é um legado para a cidade. Entendo que o prefeito, quando se propõe a administrar a cidade, se propõe a fazer com uma equipe. Ele vai convidar as pessoas para serem seus secretários, chefe de gabinete, secretários-adjuntos. Essas pessoas vão deixar o mercado de trabalho por quatro anos, para depois voltar”, disse Kassab. “E ninguém vai deixar seu mercado de trabalho em uma situação pior. Portanto, nós não podemos confundir funcionalismo com esses cargos de confiança, que serão a equipe do futuro prefeito.”
Kassab afirmou que o impacto nas contas públicas – apenas no caso dos subprefeitos, o salário será quase triplicado – é compensado pela eficiência dos funcionários. “Impacto pior é ter pessoas que não são eficientes, que não são competentes. Nós temos que ter eficiência, e isso só com pessoas experientes, capacitadas, e gabaritadas, porque elas vão comandar.”
Segundo o vereador Cláudio Fonseca (PPS), que votou contra, a medida vai elevar o gasto com o pagamento desses servidores de R$ 721 mil mensais para R$ 2,08 milhões mensais.
O prefeito disse também estar preparado para a repercussão negativa que a nova lei pode ter em relação à administração municipal. “É algo que precisava ser enfrentado um dia. Eu aceito passar por essa discussão, eu assumo essa discussão, porque tenho certeza absoluta de que, da nossa parte, é uma colocação honesta, correta e transparente.”
Fonte: G1

Subiu para 10 o número de vítimas em acidente com caminhão em Alagoas

A morte de uma menina, durante a madrugada, elevou para dez o número de vítimas de um acidente com um caminhão desgovernado em Alagoas na tarde dessa quinta-feira (8), segundo informações do Corpo de Bombeiros de Arapiraca. O caminhão atropelou várias pessoas em uma procissão na cidade de Feira Grande. Segundo os Bombeiros, foram registradas oito mortes no local do acidente e duas pessoas morreram na Unidade de Emergência de Arapiraca, uma delas às 5h da manhã. Quatro feridos permanecem internados sob observação, mas com quadro estável. Os Bombeiros dizem que o local do acidente ficou muito danificado, e que o número de vítimas no local ainda pode ser alterado, totalizando 11 pessoas. Segundo a Polícia Militar, o caminhão com carga de areia entrava na cidade quando perdeu os freios em uma ladeira. O veículo desce uma ladeira e atingiu uma multidão que havia acabado de chegar do cortejo religioso e estava parada em frente à igreja de Nossa Senhora da Conceição - padroeira da cidade - na praça central, onde ocorria uma missa.
O veículo tombou e pegou fogo na praça da cidade. O motorista ficou preso nas ferragens e morreu carbonizado. Ainda conforme a Polícia Militar, foram encontrados sete corpos que ficaram embaixo do caminhão e também foram carbonizados. Muitas pessoas, com ferimentos leves, nem chegaram a ser socorridas ou então foram atendidas em unidades médicas de pequeno porte.
Testemunhas contam que o veículo, com placas de Arapiraca, teria ficado sem freio. O condutor ainda desviou o máximo que pode, acessando a contramão da ladeira, para não atingir um número maior de pessoas. Mais de mil pessoas participavam da procissão. O caminhão também atingiu três carros e cinco motos que estavam parados próximo à praça.
Segundo o Corpo de Bombeiros, equipes de resgate controlaram o incêndio e tentavam virar o caminhão para tentar encontrar possíveis vítimas, mas nenhum outro corpo foi encontrado. Feira Grande fica a 154 km de Maceió e tem cerca de 22 mil habitantes.
Fonte: G1

Ativistas seminuas são detidas em protesto contra fraudes em Moscou

Manifestantes do grupo Femen enfrentaram frio para protestar em Moscou. Elas condenam as supostas fraudes nas últimas eleições parlamentares.

Ativista do grupo feminista Femen é detida durante protesto em Moscou nesta sexta-feira (9)
 
As mulheres do Femen, que protestam seminas, enfrentaram o frio para apoiar a oposição russa e condenar a suposta fraude nas últimas eleições parlamentares no país
 
Fonte: G1

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Brasília - Casal monta casa e tem relações sexuais na rua

Um casal de moradores de rua montou um cômodo com cama e até armários na quadra 506 Sul. O local fica entre uma loja de motos e um salão de beleza e tem incomodado comerciantes e moradores da quadra, constrangidos com as atitudes do casal, que chega a ter relações sexuais sem inibições. No local há uma cama, portas de guarda roupa, ferro de passar, objetos de higiene pessoal e muitos preservativos. O novo “recinto” dos moradores fica em uma obra inacabada, que tem servido de moradia ao casal por mais de quinze dias.
De acordo com os comerciantes, o homem e a mulher de aproximadamente 30 anos, deixam o local antes das 8h. Durante o dia é difícil encontrá-los por lá, mas quando aparecem vivem como se estivessem a portas fechadas. Tanta movimentação tem preocupado as lojas que escutam reclamações diárias por partes dos clientes que ainda entram no comércio, já que muitos desistem ao notar o casal por ali.
A vendedora Andreia Gonçalves foi pega de surpresa na tarde de segunda – feira (5). “Foi a gota d’água. Em plena tarde eles estavam tendo relações sexuais em frente a loja. Quem passava se assustava e mesmo pedindo mais respeito eles continuaram. A mulher inclusive, faz as necessidades físicas onde tem vontade”, disse.
Para a cabeleireira Nilde Silva, o mal cheiro do local espanta os clientes e incomoda lojistas. “Não só o banheiro a céu aberto que criaram, como essa obra que não termina, tudo isso espanta nossos clientes. A fiscalização dessa obra já sabe do problema, mas continua assim. E ninguém fala porque tem medo”, declara
Em nota a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda (Sedest) informou que “a Sedest tem o papel de abordar e atender pessoas que vivenciam situações de vulnerabilidade social, No entanto, ressaltamos que não realizamos a desocupação e remoção de áreas públicas”.
A remoção seria trabalho da Subsecretaria de Defesa do Solo e da Água (Sudesa), que responde que “as ações precisam ser realizadas em conjunto com a Sedest. O que geralmente acontece durante as operações é que a Sedest oferece albergue e passagem interestadual, caso haja algum morador de outro estado. Porém muitos não aceitam ajuda. Nesse caso, a ocupação é removida”.
Fonte: Alô Brasília

Brasília - Sequestro de família no Guará II termina com batida em poste

Uma família foi vítima de sequestro-relâmpago por volta das 23h de terça-feira (6), na QE 40 do Guará II. De acordo com a Central Integrada de Atendimento e Despacho (Ciade) da Polícia Militar, eles entravam em casa quando foram abordados por um homem, armado com uma pistola e duas munições calibre .38, que entrou no veículo e pediu que a motorista seguisse. O suspeito, Flávio Enrique Macedo dos Santos, de 21 anos, ameaçou a família com a arma por mais de uma hora.
A mulher que conduzia o carro seguiu pela direção indicada pelo bandido, mas eles precisaram parar em um posto de gasolina para abastecer, em Taguatinga Centro. Muito nervosa, ela pediu que o homem levasse o carro, alegando que não conseguia mais dirigir, e passou para o banco traseiro. Na troca de assentos, ela tentou chamar a atenção do frentista, mas não obteve sucesso, relata o Delegado Dr. Moizés Martins.
Quando seguiam pela QNB 3, na Samdu, um carro da Polícia Militar passou pelo veículo. Desesperada, a mulher puxou o freio de mão e agarrou o pescoço do possível sequestrador, que perdeu o controle e colidiu com um poste.
No carro estavam ela, seus três filhos e o sobrinho, que apenas sofreram lesões leves, afirma o delegado.
O caso foi registrado na 12ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Centro). Flávio Enrique foi autuado por roubo com restrição de liberdade das vítimas. A pena para esse tipo de crime varia de 6 a 12 anos de prisão.
Fonte: Correioweb